segunda-feira, 26 de julho de 2010

Versos

Gestos

Há gestos de dizer
e gestos de calar,
de pedir, de sofrer,
de ferir, de salvar.

Gestos densos e fechados
como esferas,
gestos leves, radiante como a
luz.

Ondas que nascem, morrem e
renascem
Ao influxo poderoso das marés.

Helena Kolody
1912-2004


Lindo, né!

Nenhum comentário:

Postar um comentário